Comunidades, lei de ação e reação e a tal web 2.0

junho 1, 2006

Eu li um artigo na Web Design, há pouco tempo, sobre comunidades, e achei bem interessante a forma como o Felipe Memória vê o sucesso das comunidades e da internet. Não lembro suas palavras exatamente, mas lembro que dizia que elas fazem sucesso pela quantidade de pessoas conectadas. É como se o homem estivesse programado biológicamente para sentir atraído pelas ações, jeitos, gostos de seus semelhantes (nem sempre tão semelhantes assim, mas não vem ao caso xD).

Eu também vejo dessa forma, mas também tem a tal da "Lei de ação e reação", que pode explicar o motivo pelo qual muitas pessoas têm dificuldades de lidar com o computador, elas estão acostumadas a tudo o que fazer ter uma reação, mas no computador, essa reação pode demorar, e até não acontecer. Ou seja, em uma comunidade, ou em sites que utilizem conceitos de Web 2.0, teremos a interatividade maior (de ambos os lados) que agrada o usuário que espera por respostas do sistema, e teremos um ambiente onde o usuário se sente "em casa", sabendo que milhares de pessoas reais, que poderiam esbarrar com você na rua, estão também neste local.

E a influência das comunidades na internet vem aumentando cada vez mais. Apenas para constar, mais da metade dos brasileiros internautas visitaram o orkut. E alguns conseguiram feitos heróicos nele (como o fato da empresa que se pronunciou oficialmente em uma comunidade de pessoas que estavam insatisfeitas com a descontinuação de um produto). Temos que pensar cada vez mais nesses aspectos na hora de planejar e estruturar. Votando novamente para o tal do usuário que a cada dia que passa vem ganhando mais força e poder de alterar a realidade da internet. E a tal Web 2.0 está cada dia mais dentro de nosso cotidiano, e cada vez mais pessoas a estudam, fazem pesquisas, colaboram para definir ou tentar entender o que está de fato acontecendo no mercado web. Resta aos mortais esperar, e aos Web Designers estudar e adaptar-se à nova realidade (humm… ficou profético isso XD)

That's all :) 

Uma resposta to “Comunidades, lei de ação e reação e a tal web 2.0”

  1. Oi Rochester,

    Você pegou num ponto bom pra se pensar. Sobre a não-contiguidade da maioria das consequências sociais na web. Pra análise do comportamento, o comportamento é “controlado” por suas consequências, de curto, médio e longo prazo. Mas principalmente, pelas de curto prazo. Na comunicação “ao vivo”, a gente tem essas consequências na hora. Damos e levamos logo em seguida. Na web, não. Talvez, isso explique porque tem tanto neguinho sendo “corajoso” em fóruns, listas de discussão etc. Sei lá. Gostei do teu ponto de vista. Uma coisa a se pensar.

    []s!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: