Web-Bem-Feita

novembro 5, 2006

Alguns de vocês devem ter olhado o subtítulo do meu blog, ou mesmo visto comentários a respeito (com essa nomenclatura são poucos ainda) e devem ter se perguntado: “Afinal, o que é Web-Bem-Feita?”. Bem, essa é uma pergunta que nem a wikipédia sabe responder… Mas vou tentar😀

É a aplicação de vários fatores que, como o nome diz, são sobre a criação bem feita de um site. Mas na grande maioria são conceitos, que se aplicados melhoram tanto a experiência do usuário, quanto o trabalho do Web Designer ( que fica mais fácil de atualizar, mais leve, tem mais retorno…) – e com certeza também é melhor para o cliente.

Entre as “filosofias” (pesquisas, estudos…) que são englobadas, as que eu dou mais destaque são:

  • KISS – Menos sempre é mais.
  • Usabilidade – Tornar fácil a utilização do produto.
  • Acessibilidade – Tornar fácil de acessar, não importando as condições de conexão ou plataforma do usuário.
  • Design de Interação – É o estudo de como a interface vai atingir o usuário, considerando sua experiência, entre vários outros fatores.
  • AI – Arquitetura e Organização dos elementos na página, de forma que o usuário identifique o que cada elemento deve ser, por exemplo, algo que seja um título, fica maior, com negrito, centralizado, e links de um menu ficam agrupados e com uma cor diferente.
  • SEO – A otimização dos sites para sistemas de busca (em buscas orgânicas).
  • Semiótica – Estudo através dos signos que tem como objetivo analisar como o objeto será entendido pelo usuário, o que o faz, por exemplo, clicar em um link invés de outro “semelhante”.
  • Tableless – Tabelas são para dados tabulares, não para marcação de layout.
  • Web Standards – Bem mais que uma “filosofia”, são os padrões de codificação.
  • Código semanticamente correto – Pois nem sempre a validação é tão importante.
  • Utilidade do site – Para mim é o que deve vir primeiro no planejamento.

Mas há algumas coisas que se deve tomar cuidado, como por exemplo, o uso do AJAX (apesar de programadores estarem melhorando cada vez mais, Yahoo mail nem se fala😛 ) que se “mal utilizados” podem fazer o usuário simplesmente desistir do site, ou pior, não conseguir entrar nele. Utilizar o recurso certo no local certo,. Se um menu precisa só de css para funcionar, pra que utilizar AJAX, flash, 3D e mais um monte de coisa que só vai te dar dor de cabeça, e só vai atrapalhar o usuário?

A idéia do “bem-feito” é simples, e há quem faça assim sem dar nomes mesmo. “Mas você só usou um nome novo para definir coisas que já estamos acostumados…”, e a nomenclatura “Web 2.0” foi o quê? Quando viram que o mercado estava mudando, deram um jeito de fazer o resto dos profissionais mudarem também, então quem não mudava (ou não mudou ainda) é 1.0 , quem já fez o “upgrade” passa a ter o status de 2.0 (apesar da hipótese não desmentida de ser um golpe de marketing apenas). E muita gente ficou com medo de ter a classificação de 1.0, e passou a correr desesperadamente procurando a tal web 2.0 , para acompanhá-la, por isso muitos acreditam apenas na chance de ser uma jogada de marketing – “vamos falar que isso é melhor, que é evoluído, talvez cole”. Mas a grande diferença é que no conceito “bem-feito” são unidos aspectos “user-side” com algumas melhorias da tal Web 2.0 e outros aspectos que parecem esquecidos por muitos, como Usabilidade, Acessibilidade, SEO, Semiótica (que é muito desvalorizada na Web) e o conteúdo.

Há também várias outras “filosofias” propondo melhorias às atuais, como o divless (passando a usar listas invés de divs), e usar “humano” invés de “usável” (que transformaria usabilidade em humanilidade – acabei de criar a “tradução”🙂 ). Cabe a nós decidirmos o que é bom para nós mesmos e para os projetos, ou o que é apenas modismo ou estratégia de marketing.

“E viva a Web-Bem-Feita”

That’s All😀

5 Respostas to “Web-Bem-Feita”

  1. Oi Rochester,

    Legal esse ponto de vista. Continue assim.

    []s!

  2. Que tal o movimento : “Por uma Web Bem feita”, ehhehe.
    Rochester, valeu pelo glossário.
    ótimo artigo

  3. Como se avalia o Design?

    http://www.designinterroga-te.pt.to

    Penso que seria do vosso interesse, participem.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: