Já dizia o poeta "As flores são bonitas em qualquer lugar do mundo, tem site que tem forma mas não tem conteúdo". Tudo bem, um site precisa ser bonito, mas também precisa ter outros "valores", como usabilidade, acessibilidade, e é claro CONTEÚDO. Mas a dúvida que mais me atormenta (provavelmente deve incomodar a muitos outros) é o que deve ser priorizado na hora de planejar/criar um site?

Eu peguei como comparação as músicas. Há músicas onde a letra é essencial, enquanto em outras é completamente dispensável, depende 100% de quem você quer atingir (lá vem o tal de público-alvo de novo…), do seu objetivo com o site.

Você quer um site daqueles que causa impacto a primeira vista (mas que pode se tornar difícil de navegar,difícil de acessar, pesado, monótono, ou que simplesmente não tem nada além de um layout "bonitinho")? Ou seria daqueles que "cativa" o usuário, que quer fazê-lo visitar freqüentemente, que tenha conteúdo atualizado com freqüência (sim, estou "puxando a sardinha" para este lado 🙂 )? Seu site está mais para "funk", "rock", ou "eletrônica" ? Flash, HTML, PHP ou mesmo AJAX? Tudo acaba caindo na questão do público-alvo.

Mas uma coisa é fato: site sem conteúdo ou estrutura dificilmente é visitado duas vezes. Não podemos nos esquecer que antes mesmo de ser o "pão nosso de cada dia" a internet é uma ferramenta de entretenimento e pesquisa. Muitas vezes nos preocupamos com conceitos complexos de design, acessibilidade e usabilidade e nos esquecemos dessa definição básica.

That's all 🙂

Anúncios

Agradecimentos

abril 13, 2006

Primeiramente eu queria agradecer ao pessoal que acessou ontem e antes de ontem, em especia ao Fred do usabilidoido que deixou um link lá no seu blog, o que provavelmente gerou essa onda de acessos. Só queria pedir para o pessoal que opine, escreva, espalhe a informação, pois isso ajuda a todos nós, é muito boa essa troca de informações em Web Design….

No mais é isso pessoal, vou tentar escrever mais agora….. XD

That's All 🙂

Design de interação

abril 9, 2006

Os primeiros princípios do design de interação

**post ajustado depois de discutido alguns pontos com o Vicente do Webinsider, valeu pelas dicas…**

Os princípios fundamentais para criar e implementar interfaces eficazes e para o entendimento de Design de Interação. A interfacedeve ser clean e sem informações inúteis (como muitas cores, banners, textos…)

Os principios fundamentais:

* Antecipação – Não espere o usuário procurar pela informação ou serviço, um bom design de interação é aquele que causa surpresas positivas no usuário, Tente adiantar ao máximo a informação (conhecer bem seu público-alvo é essencial).

* Autonomia – Tudo "pertence" ao usuário. Dê autonomia, mas com regras, limites. Deixe-o pensar que controla tudo.

Use mecanismos de status, para manter usuários cientes informados e manter a informação em fácil localização.

* Cores – Use cores para complementar sua informação. Mas mantenha o visual clean. Cores podem passar mais informação do que parece, tudo depende do contexto social.

* Consistência – O mais importante da consistência é estar de acordo com as expectativas do cliente.

* Defaults – os defauts devem ser "inteligentes" e relacionados com o contexto.

* Foco no usuário – Olhe para o usuário, não para o computador. Mantenha o usuário ocupado. Deixe mensagens para ajuda, e faça-as ajudar a solucionar o problema.

* Interfaces Exploráveis – Não dê toda informação. Prenda o usuário, mas mantenha fácil e acessível. O usuário gosta de se sentir em casa. Sempre habilite "retroceder".

* Lei de Fitt – "O tempo para atingir um alvo é uma função a distância a e tamanho do alvo." O tempo que você vai levar para atingir seu objetivo depende diretamente do tamanho desse objetivo e quão longe ele está de você.

* Objetos Humanos de Interface – São todas as coisas que podem exercer influência no usuário, podem ser vistas, ouvidas, tocadas, ou percebidas de outra maneira.

* Aprendizagem – Todas as aplicações e serviços, não importa quão simples, indicarão uma curva da aprendizagem.

* Metáforas, O Uso de – Metáforas podem criar figuras visíveis na mente, e elas deixam o processo de entendimento da interface mais fácil. Sempre uma comparação do cotidiano é melhor do que apenas a explicação da teoria.

* Proteja o trabalho do usuário – Assegure-se de que os usuários nunca percam seu trabalho em conseqüência do erro em sua parte, geralmente erros são "imperdoáveis" por parte dos usuários.

* Leitura – Deixe a leitura em seu site o mais fácil possível. Ler em tela geralmente é chato, tente minimizar a chatice dessa tarefa ao máximo.

* Navegação Visível – evite a navegação invisível, é mais para sites dinâmicos, por exemplo blogs, onde todos podem entrar e comentar (a famosa onda de interatividade, web 2.0) é bom sempre ter um controle da informação que está correndo no seu site, para evitar "prejuízos" futuros, já que esse conteúdo é de sua responsabilidade.

That's all… Coment's are apreciaded 🙂

——-

// quando chequei para editar esse post estava fora do ar, mas vale a pena dexar aê o link
Source

——-

Interaction Design

abril 9, 2006

First Principles of Interaction Design

The fundamental principles to the design and implementation of effective interfaces and to the understanding of ID.

The interface have to be visually clean and without a lot of useless information (i. e. lot of colors, banners, texts…)

The main principles:

*Anticipation – Don't expect the user to search the information or service.

*Autonomy – All this "belong" to the user. Give the autonomy, but with rules, limits. Let they THINK that are in the control.

Use status mechanisms to keep users aware and informed and keep the information within easy view

* Color Blindess – Use the colors to complete the your information. But keep clean.

* Consistency – The most important consistency is consistency with user expectations.

* Defauts – Defaults should be "intelligent" and responsive.

* Efficiency of the User – Look at the user's productivity, not the computer's. Keep the user occupied.Write help messages tightly and make them responsive to the problem.

* Explorable interfaces – Don't give all the information. Make easier to stay in, keep it accessible. The user likes to fell in home. Always allow "undo".

* Fitt's law – "The time to acquire a target is a function of the distance to and size of the target."

* Human Interface Objects – They are all the things what can make influence in the user, can be seen, heard, touched, or otherwise perceived.

* Latency reduction – Reduce the user’s experience of latency. And make it faster.

* Learnability – All applications and services, no matter how simple, will display a learning curve.

* Metaphors, Use of – Metaphors can create visible pictures in the mind, and them make the "interface understanding process" easier.

* Protect user's work – Ensure that users never lose their work as a result of error on their part

* Readbility – Make simple to read on your site

* Track State – State information should be held in a cookie on the client machine during a session with a transaction service, then stored on the server when they log off

* Visible Navigation – Avoid invisible navigation.

That's all… Coment's are apreciaded 🙂

——-

Source: http://www.asktog.com/basics/firstPrinciples.htm
——-

WebDesigner 2.0

abril 7, 2006

Bom, primeiro post "decente" …. na verdade, quase decente… é so para deixar um link de um artigo que eu gostei, escrito pelo Frederick Van Amstel, do blog usabilidoido, e que está no webinsider… este é o link… espero que gostem 😀

http://webinsider.uol.com.br/vernoticia.php/id/2770

———-

Well, first "decent" post…. this is only a link for an article that i liked…. this was written by Fred, and is in webinsider… this is the link…. enjoy it 😀

http://webinsider.uol.com.br/vernoticia.php/id/2770